sábado, 14 de novembro de 2009

O nariz

Bem... o post desta madrugada pós passeio de bicileta não será uma homenagem pra lá de devida ao conto homônimo do Gogol. Por sinal é um puta conto, vcs deveriam ler. Mas voltando, o passeio, não, o post é sobre o meu nariz. Isso, este pedacinho de cartilagem com um milhão de outras paradas e que, segundo a minha tia, lembra muito o nariz do meu tio (sem piadas =)

Uma vez na infância me disseram que quando o seu nariz escorre é agua do seu cérebro que tá indo embora: seu cérebro está sendo drenado. É, isto assusta os mais corajosos no fim das contas, mas não passa de uma lorota. Uma grande e doentia lorota rsrsrs Nem me lembro quem a contou pra mim..bom, o que importa é que meu nariz sempre que está "naqueles dias" em que ele escorre escorre, se põe a escorrer justamente quando eu estou fazendo algo importante. É como uma lei de murphy, mas não é bem alei de murphy, entende? É como o principio da incerteza e mecânica quântica... le não acontece só em mecânica quantica, acontece em várias coisas (análise de fourier, por ex)... o caso do nariz que escorre não é lei de murphy, mas sim um princípio diferente do qual não posso falar agora (falta de palavras pra tanto... ou ainda, preguiça =), mas acontece com muita gente. De fato, o seu nariz sempre escorre em ocasiões como esta:

1) vc está conversando com uma menina linda e ela e vc percebem que o seu nariz escorreu (isso quando isso não cai sobre o vestido dela rsrs);

2) todo mundo está olhando pra vc, vc conta algo engraçado, e quando vai rir o seu nariz escorre;

3) vc é o centro das atenções, a pessoa que está falando na hora, e quando vc está no ápice do discurso, voilà (sem direito à piada no final..claro, vc pode virar a piada, com certeza rsrs)

4) vc está fazendo vestibular

Aposto que algum dos casos acima já aconteceu com vcs!!! Não tem como!!!

Acho que o post de hj foi um desabafo.... to aproveitando pra postar enquanto ainda tenho um pouco de água no cérebro

=0
Postar um comentário