segunda-feira, 24 de maio de 2010

Resoluções da identidade (Ou "outras palavras")

Hoje levantei da cama pensando em álgebras de von Neumann. Tomei o café da manhã pensando em operadores simétricos. Durante o trajeto até a fac, em espectros essenciais. Durante o almoço, em resoluções da identidade e teoremas espectrais.... por uma semana tem sido isso. Momento muito tenso e delicado da minha existência: parece que se alguém puxar um fio tudo cai, tudo foge de mim, tudo me escapa e volta a nascer num único ponto.

Mas no último sábado foi diferente: eu estava sentado, esperando pra almoçar num lugar muito tosco..muito mesmo. Pedi meu almoço e fiquei lá, sentado de braços cruzados. Paciência pouca e demora muita, coloquei os braços ainda cruzados sobre a mesa e deitei a cabeça no braço direito. Senti então um cheiro muito bom... a manga da minha camiseta estava com um cheiro muito gostoso, mas eu não sabia identificar o que era.

Fiquei lá, fungando na manga da camiseta e tentando descobrir o que era por um bom tempo. Algumas pessoas passaram e olharam meio curiosas... mesmo com essa reprimenda social, persisti na minha busca... listava palavras e mais palavras na minha cabeça pensando em qual correspondia àquele cheiro de manga de camiseta.

Então me lembrei das palavras que eu mais gosto... na verdade não são "as palavras", pq elas estão sempre mudando; hoje eu gosto delas e amanhã.. amanhã não sei, posso achá-las palavras normais, reles combinação de letras com algum sentido... aubergine é uma delas. Eu vivia dizendo à minha professora de francês que queria ter uma filha só pra poder colocar o nome de Aubergine. Imagina, na escola

"Mademoiselle Aubergine, es-tu présent?"

Mas aubergine ia ser triste....e precisaria de muita terapia à partir do momento que soubesse que seu nome não passa de berinjela em francês (embora isso não tenha me disssuadido completamente da idéia ).

A outra é toucinho. Acho uma palavra tão carinhosa.... eu sinceramente gostaria de chamar uma namorada de toucinho...


acho que é por que rima com focinho,
que rima com carinho,
que rima com cofrinho,

que rima com dançar um samba-rave sozinho

mas tem uma conotação negativa também.... é, nenhuma namorada entenderia e eu seria o excêntrico da história toda. Mas não deixa de ser uma palavra simpática. Ahhh se eu tivesse um porco..andaria com o toucinho pela praia de ipanema, todas as pessoas iam querer passar a mão nele, ele ia brincar no parquinho com as crianças... mas acho que o mundo não está preparado pra isso (se bem que eu sei de uma mulher em São Paulo que cria um porco num apartamento, e isso num puta bairro rico )

zumbido também, é uma palavra gostosa de se ouvir.. não que seja boa, mas esse que onomatopéico (é isso mesmo?) do zuuuummm é muito interessante.

Isso tudo se passou em  alguns minutos, talvez até menos...

... então chegou meu almoço.

Parei de tentar descobrir do que era o cheiro,

e eu voltei a pensar em álgebras de Banach e noutras coisas do tipo



=0



ps: ao menos até quinta feira, esta anda sendo minha vida
ps2: onde se compra um porco doméstico?

sexta-feira, 21 de maio de 2010

Barbas, pra que te quero?

Fazer a barba é mto chato!!! Mto mesmo..as mulheres é que têm sorte: vc sempre se corta, fica com a pele mais clara na região da barba... e eu que achava que ia ser legal.

Que eu ia parecer mais velho e sério

[engano]

Que eu fosse parecer mais bonito

[engano]

Que eu fosse poder me disfarçar caso eu fizesse algo errado...

[engano]

Nada a ver mesmo. Pq a barba cresce tão, mas tão devagar que se eu fizesse algo errado e precisasse depender dela pra me disfarçar eu seria pego antes de me tornar irreconhecível. Tá bom, eu não tenho uma puuuuta barba, daquelas que as pessoas passam por mim e falam

" Caraleo!!! Vc de barba eu quase não reconheci"

... mas a culpa não está na minha barba em si, mas sim na nossa natureza dos pêlos que crescem não mto rápido no nosso corpo

Nessas horas vc vê que ter barba só te dá trabalho.... não serve pra porra nenhuma. Nenhuma mulher vai querer ficar com vc por causa da sua barba (sexy ). Nenhum emprego vc vai conseguir pq na entrevista as pessoas olharam pra sua barba e pensaram " cara de responsável".... a probabilidade de cair um meteoro na sua casa não vai diminuir por que vc tem ou não uma barba... é tudo besteira. Falácias e mais falácias! Crenças chulas e desmesuradas que afloram nas colunas dos astrólogos, rádios AM, nos programas vespertinos de fofocas ! =P


....mas é gostoso vc terminar de fazê-la, se olhar no espelho e ver que vc ainda parece criança às vezes** (isso pq apareceram dois cabelos brancos em mim por estes dias rsrs =)



Vou lá... to ouvindo um Piazolla mto bom aqui (cafe 1930)


** Hahaha por sinal, fiz a barba ontem: hoje um amigo do doutorado me disse que eu estava parecendo um menino de 16 anos

sábado, 15 de maio de 2010

Propagando a arte - post # 2

Achei!!!!

puts..eu via isso qdo era criança...é uma puta duma propaganda. O elefante é demais =)


A música tbm, mto boa

sexta-feira, 14 de maio de 2010

Propaganda é arte?

Vc acha que os publicitários tem alguma serventia nas nossas vidas? Na nossa sociedade?

Naaaaaahhhh.. acho que não.  Eles meio que forçam os filhos que a gente não tem a comprar brinquedos caros e bobos, arruinaram vários natais ao redor do mundo de famílias que não tinham como consumir várias coisas que eles propagandeavam por aí, à torto e à direito.  Mas eles ainda conseguem fazer coisas interessantes. Vou inaugurar uma sessão no blog, a seção propaganda, que vai conter ...eu não preciso dizer o que vai conter, vcs sabem desde já... Se alguém encontrar aquela propaganda legal, com desenho ou alguma coisa extremamente doida, que via na infância, ou que rola por aí pfv, mande pra mim!





Audi_Unboxed from Philip Tavares on Vimeo.


ps: to procurando aquela propaganda da coca-cola,  na qual um elefante ia nadando pelo mar, roubava uma garrafa de coca de uma mulher que tomava sol num colchão inflável, e deixava uns amendoins em troca... mto boa aquela

Índice de popularidade

E eu achando que meu blog estava bombando (como dizem os cariocas =), abro minha caixa de emails e vejo isso
"caralho, seu blog tem um bug!!! eu entrei agora lá aí qdo vou fechar, o internet explorer fica louco e começa a abrir milhoes de janelinhas com o seu blog e não para nunca mais!! eu tenho q ir no task manager pra mandar ele parar, e mesmo assim fica um tempão até ele fechar tudo.. e isso já aconteceu várias outras vezes comigo, mas só com o seu blog..
não estranhe se o numero de acessos tiver disparado na última hora..rsrs"
Me perdoem se a pessoa que escreveu o trecho acima não sabe fazer isso direito, ficando até meio difícil entender o que ele(a) diz rsrsrs... mas acho que o português dela(e) é razoávelmente inteligível  =P
Merda... e eu acreditando que o número de acessos estava alto pq as pessoas estavam gostando do que eu escrevia rsrs =/ caramba, viver inverdades é algo muito triste. É como sonhar que seu amor vai chegar num cavalo branco quando na verdade ela(e) vem numa caloi velha
[desabafo]

Mas eu supero... vou contar até 10


1...2......3..........4........... 4...

....................... 5 ............................ desisto..vou fazer outra coisa


ps: que fique bem claroque eu não sacaneio meus leitores, publicando coisas que eles me mandam em particular =)

ps2: pelo menos eu preservo a identidade das pessoas!!!!

domingo, 9 de maio de 2010

Um bolo chamado Eusébio (ou "todo fermento será desnecessário para aqueles que usam as medidas corretas")

Estou fazendo bolo de fubá... para receber os extraterrestres em casa... mas eu acho que não coloquei fermento o bastante para que ele crescesse...

Essa dúvida tira o meu sono... não que eu quisesse dormir, mas se eu tentasse aposto que não conseguiria.

Parece que é algo que me consome por dentro, que me põe a fervilhar as idéias, todas eles vindo juntas.. e qdo muitas idéias vêm juntas bem se sabe: elas não são compreendidas... é como um princípio de condensação de idéia...se vc tem mais de quatro ao mesmo tempo, então elas adquirem um comportamento estranho, deixam de ser uma idéia e se tornam uma inquietação... eu tenho isso direto... pode ser preguiça de elaborar os pensamentos de maneira mais profunda tbm...  rsrs

Aí eu ando pela casa... corro 5 metros ou menos entre a cozinha e meu quarto, ando pelos aposentos como se estivesse numa masmorra e fosse o doutor Frankestein (alguém me disse que Frankestein era o médico.. o monstro não tem nome... )..

...mas rememorando a criação dos monstros e minha angústia em esperar pelo que pode sair do meu forno, eu batizo desde já minha criatura.. vai se chamar Eusébio. Eusébio, o bolo de fubá...

Infelizmente, ele só não tem uma personalidade ainda. Vcs podem opinar, caríssimos leitores (allloooou? Alguém aí?????

Caramba..é um eco
Toda masmorra tem eco.
Todo castelo tem corredores longos.
Toda cozinha tem um forno quentinho pra esquentar os pés num dia frio como o de hoje.
Todo bolo tem fermento pra crescer...

Exceto o meu!!! Deuses cruéis e ingratos!!!

Ahh.... desespero que me consome!!! Se todo o fermento do mundo fosse o bastante para que o Eusébio crescesse de novo... mas o momento de sua concepção, ò dura realidade, já se foi (às 20:03, qdo o coloquei no forno)

Eusébio, o temível bolo de fubá.... serás um monstro duro por fora.. (aquela casquinha...hummm) e por dentro, algo cheio de sabor.. com pequenas doses de maldade, que se mordisca e se prova levemente, como a erva-doce que atiça o olfato quando se põe na boca....

Se ao menos vc tivesse um pouco mais de fermento, ò Eusébio!!! Te daria mãos novas!!! Criaria um outro ser semelhante a ti!!!  (semana que vem, talvez.. =)... Te proveria todo o fermento necessário pra que crescesse de maneira saudável e contente, um ser vigoroso e corado...


Vou lá...to sentindo um cheiro estranho...


[Mistério]
[Expectativa]

Da Arte: aquela menina estranha, que se veste 1/2 esquisito

Engraçado, ontem tive dois momentos de discussão sem mto sentido sobre o que é arte: um com uma amiga cineasta/produtora e outro com a Inês, mãe de uma amiga de sampa.

Acho que o que eu pontuei com mais força nas duas conversas é meu entendimente de que arte é uma coisa muito abstrata e que nem sempre precisa ter uma relação com o universo que a cerca. Certo, tudo que vc faz na vida vai ter um intelectual que vai aparecer e dizer que é uma crítica à guerra no Iraque etc etc, mas a beleza e a poesia está muita vezes nos olhos de quem vê... a arte é isso, essa interação com as pessoas. Não é algo que termina na obra em si. Uma estátua não vai ser só a estátua, mas o que ela gera de impacto no mundo.

E o que o escultor quis dizer com ela?

Bom, ele pode até ter tido uma intenção, estudiosos podem dizer que ele era um indivíduo anti-establishment, um outsider, um revolucionário, coisas do tipo..que ele queria dizer A e B com sua obra... mas o mundo pode interpretar de outra maneira, algo que vejo acontecer em alguns outros ramos do conhecimento.. em filosofia, em física etc

No meio disso a Inês me lembrou de um curta da aardman muito bom (ela tbm é meio fanática por animação): um de umas ovelhas que pegam uma tela na qual o dono delas pintava uma paisagem e começam a fazer vááários desenhos... é muito engraçado, eu ri muito a primeira vez que vi, acho que vcs vão gostar.

=)


Vezi mai multe video din Animatie

domingo, 2 de maio de 2010

sábado, 1 de maio de 2010

I am born again

Havia perdio a consciência há muito...vi de relance minha primeira casa aqui no rio,  casa no catete.. passei.... sonhei........acordei e vi um ambiente familiar. Naão sei como levantei dizendo

"péraê..péraê!!!!"

e desci... estava de volta em casa.


Nasci de novo....sem brigas, sem discussões por besteiras, sem amigos pedindo dinheiro emprestado pra voltar pra casa...sem caipirinha em excesso, sem amor de sobra, daqueles transborda pelas beiradas e junta formigas quando esquecido fora da geladeira.....

chegar à porta do meu prédio e gritar à todo pulmão, bem alto mesmo, um poema do leminsky.... um sonho

=)