quarta-feira, 18 de novembro de 2009

O incrível mundo das lagartixas + cositas buenas



Olá, seres estranhos que acompanham o blog!!!


Tenho sentido falta de vcs!!! Tá... vcs não acreditam, mas tudo bem.... eu estava mentindo mesmo =)

Hoje vi uma lagartixa doente.... e fiquei triste, e até com dó do pobre réptil (é réptil mesmo?). Bom, que seja. só sei que ela estava doente, pois me deixava dar uns cutucões nela com a ponta do pé, ao que ela reagia só se deslocando de leve pra qqr direção que não meu pé, mas assim...beeem devagar, que nem ...ahh sei lá que nem oq, mas era bem devagar, cada movimento era devagar....

Inspirado pelo flamenco que ouço agora e pela imagem dos pequenos braços de lagartixa que procuram uma cama que não existe diante de si a cada toque dos meus pés, vou fazer um poema pra ela: para eternizar sua fragilidade e realçar todos os seus movimentos de bicho preguiçoso que aparece de vez em quando nos apartamentos sem samambaias na sala....

...nããão..desito do poema.. vai ficar só no post mesmo.

Mas fica bem, sra lagartixa!!!! Por favor!!!!

=0


Um comentário:

Rafael de Araújo disse...

EU NÂO PISEI NA LAGARTIXA!!!! SÒ ENCOSTEI NELA COM O PÉ, PRA VER SE ELA ESTAVA BEM!!!

=P