domingo, 18 de outubro de 2009

Pães com formigas (e elefantes com circos) para os que não tem engov

Cheguei da lapa com fome..fome fome mesmo.

Fui.

Peguei um pão.

Eu não sou mto chegado em pão...to evitando essas paradas com gluten e tals.... enfim... peguei o sr pão francês. Ele estava com algumas formigas.

"por que não?"

A fome era tanta, e o pão só um, que não tinha por que rejeitá-lo.

Fui.

Comi o pão.

Estava muito bom. Talvez melhor do que qualquer pão comum que se venda sem formigas. Um bom pão para recém chegados de uma noite pelo rio.

Mas

e se alguma formiga sobrevive dentro de mim e começa a andar por aí, a vagar por trás da minha íris enquanto eu travo papos animados com as pessoas?
E se, no meio de uma entrevista de emprego, resolve sair uma pelo meu nariz, ou até sair uma por debaixo da minha unha e teclar um tecla enquanto eu digito? Poderia sair errado por conta dela ou erradop por minha causa. Quem vai saber?



ps: post pós lapa, realmente... sem engov, após algumas brejase muitos pulos ao som de algum samba, dançando meu samba-rave =)
Postar um comentário