terça-feira, 26 de julho de 2011

The great gig in the sky + Der Hölle Rache kocht in meinem Herzen (addendum)

Merecida continuação ao post anterior, bem lembrado fui do assunto: citei o livro Wizard of Oz por conta da lenda urbana que há por trás dele e o álbum Dark side of the moon... nunca tinha visto o filme usando o disco como soundtrack, por isso deixo uma palhinha aqui


Wizard of Oz, DSotM, video 3 from kevin gilmore on Vimeo.


De qualquer forma, não acredito na história de que o álbum foi feito como um acompanhamento ou inspirado no filme. Acho isso balela, e acredito que, certamente, se vc colocar um álbum onde as músicas são interconectadas (como...por exemplo... humm deixe-me pensar num exemplo. Não sei de nenhum agora... acho que o Ok computer, do Radiohead, junto com Corra lola, corra





Ahh!!! A música!!! =P



GUIDELINES!!!!!

Agora a gente tem que criar um ponto de inicio... vc deve começar o disco no momento em que a câmera fica totalmente escura na boca do monstro do relógio (parece não fazer sentido...veja o filme e entenda =)

Buscando coincidências:

  • Deixe o filme no mudo!!! O bom é que dá tempo de fazer tudo e vc não precisa gritar pra alguém no quarto: " - o leão rugiu uma, duas...três!!! vezes!!! Corre pra sala pra ver com a gente, já tá pardendo o filme!!! "
  • Repare que quando ele fala na letra "in an interstelar burst" aparece o policial. Não fique muito surpreso com essa dentre tantas outras coincidências, mas o  policial tem uma estrela no chapéu;
  • Quando ele fala " I am born again" aparece uma mãe com um filho;
  • Note que a música tem um momento de calmaria no momento que o policial chuta a bola pro alto e então, quando a bola "penetra" exatamente no centro da letra "ó", a música fica agitada de novo  (será coincidência?);
  • A música tem uma parte de calmaria quando o cara está desesperado na cabine do telefone e o filme apresenta uns trechos em preto e branco;
  • A música fica tensa de novo quando Lola fala que está com medo e e o rapaz diz que vai ser morto se não pagar a dívida que tem;
  • A música da primeira faixa acaba justamente quando o carro pára na frente de uma casa.
  • Obviamente, vc deve correr pra colocar a segunda faixa... eu é que não tive tempo de fazer isso.
  • Há muitas outras coincidências... mas eu não quero falar aqui,  se não vou parecer chato rsrsrs

Façam o teste e espalhem!!! Será que vira lenda tbm? (mas acho que o filme foi feito depois...bom, que seja. Pode-se falar ainda que o filme foi baseado no álbum rsrs)


Só pra vcs verem que a gente vê as coincidências que quer, onde quer, como quiser e com o sabor que mais  - ou menos - gostar.

Vemos oque quisermos, acreditamos no que queremos acreditar; que sua(eu) namorada(o) te trai só porque vc nao conseguiu falar com ela(e) no celular ontem (e ela(e) disse que estava fora de área), que a Capitu traiu traiu mesmo ( puta), que A, que B, que Ó, que....


Por exemplo, tem gente que acredita que deus existe (ou se manifesta aos homens)  porque vê uma mancha numa janela

http://www1.folha.uol.com.br/folha/cotidiano/ult95u55045.shtml

Oque leva muita gente a peregrinar e se reunir


http://www.uol.com.br/folha/cotidiano/ult95u55074.shl

 Ter ao que se apegar: uma pedra, um uso de pelúcia, um toco, uma bóia, um patinho de borracha, um guarda chuva que o avô deixou...... Bem, vá fundo e acredite. Eu acredito no axioma da escolha; é como uma fé, que %99,9999999 dos matemáticos (já me designo como um, qdo convém =) nutrem. Acreditar é ter motivo pra seguir adiante... mas isso é tema pra outro post.


Divirtam-se
Postar um comentário