quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

Troco meus tendões por cordas de violoncelo

Pulei muito no carnaval.  Muito muito mesmo, de forma que meus tendões vieram a reclamar assim que puderam.

Eles fizeram isso hoje. Nem pude sair de casa, estou em repouso: meus tendões doem, meus pés doem... preciso de tendões novos.

Por ser assim, tão desagradável, resolvi ir ao médico, o que o fiz pela manhã. Ao expor o problema a ele, ouvi:


O senhor não  pode ficar mto tempo nas pontas dos pés, seus tendões estão inflamados!


E para que eu gostaria de ficar na ponta dos pés? O sr acha que eu sou oque: uma bailarina?

Me desculpe.....Não, não quis dizer isso....


Sobrou na sala um silêncio....silêncio inerte e imutável, que me fazia ouvir até a ponta de sua caneta marcando o papel no qual me escrevia uma receita numa letra garranchosa...pior que a minha até. Ainda assim tomei coragem e perguntei

Dr Alessandro, uma pergunta...

Ele levantou a cabeça e me olhou, mas sem me encarar nos olhos.

Eu poderia trocar meus tendões por cordas de violoncelo? Adiantaria?

Ele parecia não acreditar no que ouvia. Me deu a impressão de que ele até pensou em responder. Acho até que ouvi algum ruído vindo de sua garganta.... mas ele ficou mudo: voltou pra sua receita, a terminou e me disse

Toma isso, de doze em doze horas, durante 5 dias. Qualquer coisa me procure de novo.

Saí...fui pra casa mancando levemente da perna direita. Desiludido


ps: na foto, duas bailarinas indo para o trabalho de ônibus.... vc consegue reconhecer alguma delas? =P
Postar um comentário