sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Por falar em máquinas de lavar.... (ou "O princípio de uma idéia num ônibus")

Olá, senhoras e senhores!!!


No post anterior eu citei minha experiência dentro de uma máquina de lavar. Aí lembrei de um desenho que eu fiz em outubro no ônibus indo de São Paulo pro Rio, no qual eu tive uma idéia pra fazer uma camiseta nova (faz tempo que não faço nenhuma). Eu sei que muita gente vai falar

"Pqp, vc tem certeza que quer fazer mesmo uma camiseta? Vc desenha mal pra cacete!!"

Vcs devem levar em conta que o ônibus sacolejava muito (não é desculpinha isso!!!). Vou postar aqui os desenhos, espero que vcs entendam (espero mesmo rsrs)


A pedidos, agora acompanha a tradução ... (nossa, foi foda traduzir isso. Cadê minha pedra Roseta?)


"Logo que eu saí de casa
Eu não imaginei
que teria (e iria)
aprender tanta
coisa"


"O primeiro gde susto
me foi lavar
roupas"

"Bom é que as máquinas
de hoje em dia fazem
quase tudo...ainda não
penduram tua roupa recém
lavada. Mas.... quem sabe
um dia?"









"Mas, voltando, ***** (parte
ilegível) máquina

hj só lave, não precisa se
preocupar... ela nem pula
nem nada"

"pogobol"

"cama elástica
(não é um
disco voador!!!)"

" E tbm não vai parar na sala
depois de ligada na área
de serviço"

"Apesar de tudo, ela ainda
pode deixar
umas manchas...

... nas tuas






vestes...principalmente
qdo vc está aprendendo
a lidar c/
esse eletrodoméstico
tão temperamental"

"chicote"
"máquina enfurecida"








"mesmo c/ manchas e
outras dessas, elas se
mostram úteis,
indispensáveis
e, às vezes,
carinhosas"

"4.10 voltando
sp->rj no onibus"






Como as almas mais atentas podem ver, é quase um poema desenhado....

....e uma declaração de amor ao mesmo tempo!!!

=)

Um comentário:

Rafael de Araújo disse...

Há uma parte no segundo desenho que nem eu entendi....rsrsrs não me perguntem o que tá no desenho. Mas dá pra arrumar. Qdo fizer a camiseta eu arrumo