sábado, 16 de maio de 2015

Morir de amor



Morir de Amor, by Gil Alkabetz

[Eu vou acabar cortando meus pulsos se continuar ouvindo flamenco enquanto trabalho]

[vou migrar prum samba...]



Postar um comentário